Estudante do Instituto Confúcio da UFMG ganhou o primeiro lugar do concurso de caligrafia chinesa

Paulo Roberto Nolli Filho(张雲之), estudante de Instituto Confúcio da UFMG (Brasil), ficou em primeiro lugar no concurso de caligrafia chinesa organizado pelo Centro Regional de Institutos Confúcio da América Latina. O concurso iniciou em agosto de 2015 e atraiu participações vários alunos dos Institutos Confúcio da America Latina e do Caribe.

“Estou muito feliz! Em primeiro lugar gostaria de agradecer à minha professora do Instituto Confúcio pela ajuda dela!” – disse Paulo ao ouvir a notícia, que estuda mandarim no Instituto Confúcio da UFMG há seis meses. Ele adora a cutura chinesa, especialmente caligrafia e kung fu (Ving Tsun). Paulo pensa que, como um artista marcial, o mais importante não é meramente desenvolver plenamente apenas excelentes habilidades marciais, a literatura também está no topo de relevância, que é expressada em seu trabalho de caligrafia – um poema de Mao Zedong, ex-presidente da República Popular da China.

1

Paulo Roberto Nolli Filho com seu trabalho